Header Ads

Questões CEBRASPE comentadas de Português

Nesta oportunidade, trataremos da resolução algumas questões da banca CEBRASPE (antigo CESPE), acerca do nosso querido idioma: o Português. Elas serão comentadas também através de exemplos para que possamos facilitar seu entendimento.
As questões foram extraídas do concurso realizado pelo CESPE para o cargo de Técnico Judiciário do Tribunal de Justiça Distrito Federal e dos Territórios. Espero que goste dos comentários e que você consiga absorver um pouco mais de conteúdos através deles.
A seguir, está um dos textos que foram abordados na prova do concurso acima citado. Você deve ler todo o texto e, posteriormente, ler as afirmativas, tentando resolvê-las. Abaixo de cada questão, estarão postados os nossos comentários e o gabarito oficial divulgado pela banca examinadora do certame. Bons estudos...

Questões CEBRASPE comentadas de Português

Considerando as ideias expressas no texto, bem como seus aspectos gramaticais, tipológicos e linguísticos, julgue os itens subsequentes.

Questão CEBRASPE #01

Questão CEBRASPE 01
Texto expositivo, como o próprio nome sugere, é aquele que traz a exposição de um conteúdo, demonstrando-se uma ideia central e os argumentos referentes a esta ideia.
Os textos expositivos podem apresentar alguns recursos, tais como:
  Instrução - exposição de instruções a serem seguidas (esse recurso é utilizado no texto em foco).
  Informação - exposição de informações sobre o que é apresentado e/ou discutido;
  Descrição - exposição de informações sobre as características do que está sendo apresentado;
  Contraste - demonstração de que determinada ideia pode ser observada por mais de um ângulo ou sob posicionamentos contrários existentes.

Texto injuntivo nada mais é do que um texto que expõe instruções, por isso, ele também pode ser denominado texto instrucional.
Podemos reconhecer um texto injuntivo através da sua característica marcante: a presença de verbos no modo imperativo ou de outras elementos que indiquem ordem, orientação ou sugestão.
Nestes textos, predomina a função de linguagem conativa ou apelativa, através da qual tenta-se convencer o receptor da mensagem a atender a vontade do emissor.
Há autores que distinguem o texto injuntivo do texto prescritivo. Para eles, injuntivo demonstra sugestões desprovidas de obrigatoriedade, tal como ocorre em uma receita de bolo ou em um manual de instruções de um aparelho eletrônico.
Já o texto prescritivo é dotado de obrigatoriedade, tal como ocorre nas regras de um edital de concurso público ou nas regras da norma culta da língua portuguesa.
No texto da questão de concurso, foi exposta, como ideia central, a escassez de energia elétrica. Então podemos constatar que ele é expositivo.
Você também deve ter percebido o caráter imperativo demonstrado através dos verbos das orações: "Desligue as luzes..."; "Feche as janelas..."; "desligue os aparelhos elétricos...". Por isso, o texto realmente é classificado como injuntivo.
Portanto, gabarito Correto!

Questões CEBRASPE #02

Questão CEBRASPE 02
Esse tipo de questão é muito comum em provas do CESPE. A banca gosta de perguntar se os termos ou as orações exercem a mesma função sintática, sem informar, nem perguntar, qual é exatamente a referida função.
Assim, temos que descobrir inicialmente qual é a função sintática da oração "DE PRODUZIR MATERIAIS PRECIOSOS" e do termo  "DE ENERGIA ELÉTRICA". 
Depois que descobrimos quais são as respectivas funções sintáticas, seremos capazes de saber se as suas funções são iguais ou não.
Vamos analisar a oração e o termo referidos na questão separadamente...
(Linha 01 do texto) CAPAZ de produzir materiais preciosos
Para sabermos qual é a função sintática da oração em negrito (de produzir metais preciosos), temos que saber a qual classe gramatical pertence o termo CAPAZ.
Mas por quê?
É simples! Ao analisar esse termo, poderemos saber se a expressão em negrito é um Complemento Nominal ou um Adjunto Adnominal. 
Preste muita atenção agora, pois esses conceitos podem nos confundir!

Vamos observar a regra gramatical...
  • Complemento Nominal >>> Complementa Adjetivo, Advérbio e Substantivo Abstrato.
  • Adjunto Adnominal >>> Refere-se a Substantivo Concreto e a Substantivo Abstrato.
Neste caso, CAPAZ é um adjetivo e, por isso, já podemos concluir que o termo em negrito é um COMPLEMENTO NOMINAL. 
A coisa fica feia mesmo é quando estamos diante de Substantivos Abstratos, pois podemos ter, neste caso, tanto um complemento nominal quanto um adjunto adnominal. 
A diferença entre estas duas funções sintáticas tira o sono de muita gente. :-)

Vamos a uma breve explanação!
Através de exemplos, podemos visualizar melhor a diferença. Observe:
  • O apoio aos estudantes é fundamental para o sucesso.
"Apoio" é substantivo abstrato. Logo, "aos estudantes" pode ser complemento nominal ou adjunto adnominal. Até aqui, nenhuma novidade não é mesmo?!
Porém, a dica é saber se o termo em negrito tem valor ativo ou passivo. Observe que "aos estudantes" denota um valor passivo, ou seja, os estudantes recebem o apoio. 
E, quando o valor do termo ligado ao substantivo abstrato for passivo, estamos diante de um Complemento Nominal

Agora outro exemplo, acompanhe...
  • O apoio dos estudantes mais experientes ajuda a superar o medo da prova.

Note agora que o termo "dos estudantes" denota um valor ativo. Os estudantes dão o apoio. Neste caso, os estudantes são os apoiadores. Quando o valor do termo ligado ao substantivo abstrato for ativo, estamos diante de um Adjunto Adnominal.
 → Mnemônico - Adjunto Adnominal >>> Ativo

Voltando à questão, temos que o termo CAPAZ é um adjetivo. Diante disto, constatamos que a expressão "de produzir materiais preciosos" é um Complemento Nominal (complementa um adjetivo).

Agora vamos analisar o termo "de energia elétrica" para sabermos se ele também é um complemento nominal.
(Linha 02 do texto) CONDUTOR de energia elétrica
Perceba que o termo negritado está ligado ao termo CONDUTOR, que também é um adjetivo. Diante disto, podemos constatar que de energia elétrica também é um Complemento Nominal (complementa um adjetivo).
Logo, chegamos à conclusão de que a oração e o termo analisados desempenham a mesma função sintática no texto (ambos são complementos nominais).
Portanto, gabarito Correto!

Dica de memorização

Complemento Nominal >>> 18 letras  /  Adjetivo, Advérbio, Substantivo Abstrato >>> 4 palavras
Adjunto Adnominal >>> 16 letras  /   Substantivo >>> 1 palavra
Associe o "maior" com o "maior", ou seja, maior número de letras (Complemento Nominal) com maior número de classes gramaticais (Adjetivo, Advérbio, Substantivo Abstrato).
Por outro lado associe o "menor" com o "menor", ou seja, menor número de letras (Adjunto Adnominal) com menor número de classes gramaticais (Substantivo).

Questões CEBRASPE #03

O emprego das vírgulas também é um assunto muito importante e cobrado em provas de concursos públicos.
Para acertarmos esta questão, temos que analisar as linhas 05 e 06 do texto, vamos lá?!
Enquanto cientistas e governos buscam novas fontes de energia sustentáveis, faça a sua parte aqui no TJDFT.
Observe que temos duas orações acima: uma principal (que tem como núcleo o verbo fazer) e um acessória (subordinada - tem como núcleo o verbo buscar).
Sabemos isto porque a oração acessória está iniciada pela conjunção temporal "enquanto". Assim, a oração acessória é classificada como subordinada adverbial temporal.
Perceba agora que as orações estão em ordem inversa, ou seja, a oração subordinada está deslocada para uma posição anterior à da oração principal. A ordem direta das orações é: oração principal + oração subordinada.
Diante desta situação (inversão da ordem das orações), o uso da vírgula é obrigatório para separá-las.
Resumindo, quando há deslocamento da ordem direta das orações, deve-se empregar a vírgula.
A supressão (ausência) da vírgula prejudicaria a correção gramatical do texto.
Portanto, gabarito Correto!

Questões CEBRASPE #04

Questão CEBRASPE 04
Vamos analisar toda a oração pertinente à questão (linhas 06 e 07):
é possível usar a iluminação natural
Nesta oração, o sujeito é "Usar a iluminação natural". Trata-se de sujeito oracional. 
Por outro lado, "é possível" é o predicado.
Se invertermos os termos, a ordem direta da oração ficará na seguinte forma: "usar a iluminação natural é possível."
A questão torna-se incorreta quando afirma que "usar a iluminação natural é possível." complementa o adjetivo "possível".
Na verdade, o trecho "usar a iluminação natural é possível" é o sujeito e não o complemento.
Portanto, gabarito Errado!

Questões CEBRASPE #05

Questão CEBRASPE 05
Para finalizarmos a resolução das questões deste artigo, vamos analisar as linhas 03 e 04 do texto.
O ouro está escasso. A energia elétrica caminha para isso.
Você até pode pensar que o pronome isso retoma todo o período anterior (o ouro está escasso). Porém, o pronome isso é denominado anafórico, pois retoma apenas um termo exposto anteriormente.
O que é retomado através do pronome anafórico em questão não é o período "o ouro está escasso", mas apenas a escassez.
Isso quer dizer que a energia elétrica caminha também para a escassez. É uma diferença tênue (fina, delicada), mas deve ser observada para que o candidato acerte questões como esta.
Portanto, gabarito Errado!
Questões CEBRASPE comentadas de Português
Chegamos ao fim de mais um artigo de resolução de questões. Você viu algumas questões comentadas de Português da banca CEBRASPE.
Esperamos sinceramente que o que foi exposto aqui tenha sido proveitoso para aumentar seus conhecimentos. É muito gratificante saber que podemos ajudar milhares de pessoas através de artigos como este.
Veja mais questões comentadas:

Nenhum comentário: